sexta-feira, 19 de outubro de 2012

Desejos


Tenho recebido por email alguns textos do Sr Sago, um dos pioneiros do Budismo Nitiren no Brasil, e gostaria de compartilhar aqui no blog algumas dessas verdadeiras pérolas de sabedoria!
Para iniciar a série, "Desejos".


"Uma força inerente que arrasta você à vida de sofrimento é o
desejo!
Por isso Sakyamuni na sua 1ª tentativa nos sutras hinayana, ensinou que o mortal comum tem de aniquilar os seus desejos.
Por outro lado, desejos também são a fonte de atividade humana, ação e movimento, mãe de todos os progressos.
Se o ser humano não tivesse nenhum desejo, como é que ficaria este mundo? Seria tão monótono, parado, muita inércia e até poderia haver confusões.
Daí o budismo mahayana ensinou que não é aniquilar os desejos. É ver e observar claramente os desejos. Observar os desejos não é ficar como escravo dos desejos. Com sabedoria se pode controlar os desejos, e utilizando os desejos, se pode criar energias para diversos progressos.
No Budismo de Nitiren Daishonin, libertando  ainda mais das  austeridades e proibições, o ser humano é totalmente liberado. Com inteligência e sabedoria, os homens devem controlar os desejos e direcionarem suas vidas para viverem felizes.
Pois é, os desejos são facas de dois gumes, se você se libertar demais, os desejos desenfreados fazem você como escravo deles.
Se com inteligência e sabedoria, você conseguir controlar, poderiam se tornar como fonte de progresso e desenvolvimento.
Então, vale a pena você ficar mais forte com os exercícios budistas, conseguir e observar e controlar seus desejos... que às vezes são incontroláveis. Vamos lutar para isso também!"
Agosto de 2012  
Eiichi Sago

Um comentário:

Gabriell disse...

Gostei, isso que eu realmente penso o desejo deve ser provado e dai então filtrar o que é bom é o que é ruim.